Sem categoria

Episódio 16

Episódio 16

A fama do Deus Humano, a visita de Nicodemus

JESUS COMEÇA A FICAR CONHECIDO. Jo.2:23

Enquanto estava em Jerusalém, na festa da Páscoa, muitos tiveram a oportunidade de ver os sinais miraculosos que Jesus fazia e muitos passaram a acreditar que ele era, de fato, o Deus-humano. Mas Jesus não se importava com o que eles pensavam dele, pois conhecia o íntimo de todos. Ele não precisava que ninguém aprovasse sua divindade, pois ele conhecia o interior inconstante das pessoas.

EPISÓDIO DE NICODEMUS COM JESUS – João 3-1-21

Nicodemos era um religioso famoso entre os judeus. Movido pela curiosidade despertada pela fama de Jesus, ele foi até ele à noite, buscando não ser reconhecido. Chegando onde Jesus estava, começou a lisonjeá-lo:

– Mestre, todo mundo sabe que os seus ensinos vêm de Deus, pois ninguém conseguiria realizar os fenômenos que você tem realizado se não fosse a intervenção de Deus.

Jesus despistou e declarou:

– Acredite: ninguém pode ver o Reino de Deus se não reviver de novo.

– Como alguém pode reviver de novo se já é velho? É claro que não pode entrar de novo na barriga de sua mãe para renascer! – exclamou Nicodemus, intrigado.

Ao que Jesus respondeu:

– Acredite, Nicodemus: ninguém pode entrar no Reino de Deus se não nascer da força misteriosa da água e do Espírito. É a lei da natureza: o que nasce da vida natural é um ser humano natural, mas o que nasce da força do Espírito é espiritual. Portanto, não se surpreenda pelo fato de eu te disser que é necessário reviver de novo. O vento sopra. Você ouve o seu barulho, mas não consegue ver o seu movimento. O mesmo acontece com todos os que são nascidos pela força do Espírito. Nós vemos o resultado em mudanças de vida, mas não sabemos explicar a origem.

Nicodemos não conseguia entender nada:

– Como assim?

Então Jesus o provocou:

– Você é um líder religioso em Israel, possuidor de tanto conhecimento, mas ainda não conseguiu entender essa coisa simples? Garanto a você que falo do que conheço bem, do que já experimentei, mas mesmo assim você se recusa a aceitar o meu depoimento. Eu falei de coisas simples e terrenas e mesmo assim você não quer entender. Como, então, entenderá se eu falar das coisas celestiais mais complexas? Ninguém nunca viveu no céu e veio ao planeta Terra a não ser o Deus-humano. Da mesma forma como Moisés levantou uma cobra na estaca no deserto, é necessário que o Deus-humano seja igualmente levantado numa estaca. É uma metáfora para que todo mundo que acreditar Nele comece a desfrutar a vida eterna. Porque Deus tanto amou o mundo que deu a ele o seu Filho Único com um objetivo: todo mundo que acreditar nele não morrerá, mas viverá a vida plena e eterna. Deus mandou o seu Filho para o planeta Terra não para reprovar o mundo, mas para que o mundo fosse resgatado por meio dele. Quem acreditar nele não será reprovado, mas quem não acreditar já está reprovado por si mesmo por não acreditar na força resgatadora do Filho Único de Deus. A sentença tem uma base simples: a luz do céu veio ao mundo, mas os homens preferiram a escuridão à claridade. Quem comete deslizes não se aproxima da luz com receio de que seus deslizes apareçam. Mas quem faz a coisa certa vem para a claridade para que todos vejam que as suas obras são aprovadas por Deus.

Episódio 17

O último depoimento de João Batista, João Batista é preso

O ÚLTIMO DEPOIMENTO DE JOÃO BATISTA – João 3-22-36

 

Depois desse acontecimento, Jesus foi com seus aprendizes para a terra da Judeia. Passou lá algum tempo convivendo com eles e batizando as pessoas no rio. Coincidentemente, João também estava batizando em Enom, perto de Salim. Tinha ali água em abundância e o povo vinha de toda parte para ser batizado.

Surgiu, então, uma discussão entre alguns aprendizes de João e um certo judeu sobre o batismo. Os aprendizes questionaram João:

– Mestre, aquele sujeito que estava com você no outro lado do Jordão, do qual você falou tão bem, está batizando, e todo mundo está debandando para ele.

– Deus dá a cada pessoa a sua atribuição – João contestou. – Vocês mesmos são testemunhas de que eu afirmei que não sou o Cristo, fui apenas enviado à frente dele para abrir-lhe as portas. A noiva pertence ao noivo. O amigo que ajuda ao noivo atende as suas orientações e se alegra em ser útil a ele. O bem-estar do noivo é a alegria do amigo, que agora se completa. Faz-se necessário que ele ganhe mais importância e que a minha diminua. Aquele que vem do céu está acima de todos; quem é da Terra está limitado a ela e fala com as limitações da terra. Ele fala do que tem visto e ouvido no céu e quem aceita o que ele relata confirma que Deus é real e que Ele enviou para o planeta Terra aquele que narra Suas palavras e que é portador do Espírito sem limitações. O Pai ama o Filho e a ele confiou todo o mundo. Quem acredita no Deus-humano como resgatador da humanidade terá a vida eterna; quem rejeita o Deus-humano não terá vida plena, mas sim a indisposição de Deus sobre ele.

JOÃO BATISTA É PRESO E JESUS VOLTA PARA A GALILÉIA. Lucas 3-19,20; – Mateus 4-12-17; Lucas 4:14,15

 

Por ter falado mal de Herodes, o tetrarca, delatando, entre outras coisas, que ele estava tendo um caso com Herodias, esposa de seu próprio irmão, João Batista foi preso, a mando de Herodes. Quando Jesus ouviu sobre a prisão, voltou para a Galileia cheio do poder do Espírito Santo anunciando a mensagem de Deus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *