Sem categoria

Episódio 151

No Jardim de Getsemâni

O JARDIM DE GETSEMÂNI – Mateus 26:36-46; Marcos 14:32-42; Lucas 22:40-46; João 18:1

 

Jesus foi com seus aprendizes para um jardim chamado Getsêmani, onde os instruiu:

– Sentem-se aqui enquanto vou ali orar.

Levou consigo Pedro e os dois filhos de Zebedeu e começou a se entristecer e a se angustiar. Ao chegar ao lugar planejado, ele os orientou:

– Orem para não perder a esperança. A minha alma está profundamente triste até sentir a morte. Fiquem aqui e estejam alerta junto a mim.

Andando mais adiante, Jesus se debruçou sobre seu próprio rosto e orou:

– Meu Pai celestial, se for possível, me livre dessa situação de horror; mas que não seja como eu quero, mas como você quer.

Voltou aos seus aprendizes e eles estavam dormindo.

– Vocês não puderam ficar alerta comigo nem por uma hora? – perguntou ele a Pedro. – Estejam alertas e orem para que não cometam deslizes. O espírito está sempre alerta, mas o corpo é fraco.

E se retirou novamente para orar:

– Meu Pai, se não for possível me livrar dessa situação, que prevaleça a sua vontade.

Desceu, então, um anjo do céu que o fortaleceu e deu coragem a ele. Angustiado, ele orava ainda mais intensamente, a ponto de suar gotas de sangue que caíam sobre o chão. Ao voltar, novamente encontrou os seus aprendizes dormindo, porque eles estavam mortos de sono pela tristeza que sentiam. Eles ficaram constrangidos e não sabiam o que dizer a Jesus, que saiu novamente e orou pela terceira vez, repetindo as mesmas palavras. Ao voltar aos aprendizes, alertou a eles:

-Vocês ainda dormem e descansam? Orem a Deus quando forem tentados. Basta! Chegou a hora! Eis que o Deus-humano está sendo entregue às mãos dos malfeitores. Levantem-se e vamos embora! O que vai me trair está chegando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *