Sem categoria

Episódio 110

Renúncia; a moeda perdida

RENUNCIANDO A TUDO – Lucas 14:25-35

Uma grande multidão seguia Jesus a caminho de Jerusalém. Então ele parou e orientou:

– Se alguém quiser me seguir, mas não quiser contrariar seu pai e sua mãe, sua esposa e filhos, parentes e irmãos, e não contrariar até sua própria vida, então esse alguém não tem condições de ser meu aprendiz.  Quem não carrega o seu fardo e não me segue, não pode ser meu aprendiz. Qual de vocês que, ao construir uma casa, primeiro não elabora e calcula o preço para ver se tem recursos suficientes para concluir a obra? Se construir o alicerce e não conseguir terminá-lo, você será objeto de ridicularização. Ou qual é o rei que, pretendendo entrar em guerra contra outro rei, primeiro não planeja se com dez mil homens tem poderio suficiente para derrotar quem vem contra ele com um exército de vinte mil? Se ele não planejar, terá que enviar uma delegação, enquanto o outro ainda está longe, para tentar chegar a um acordo de paz. Da mesma forma, se vocês não souberem renunciar a tudo que possuem, não terão condições de serem meus aprendizes. O sal é proveitoso porque salga, mas se ele perder o sabor, não serve para nada, nem para adubar o solo onde é jogado fora. Quem quiser entender, que entenda.

 A MOEDA PERDIDA

Perguntou Jesus aos presentes:

Qual é a mulher que, possuindo dez moedas valiosas e perdendo uma delas, não acenderia uma lamparina e varreria a casa toda procurando cuidadosamente a moeda até encontrá-la? E quando a encontrasse, reuniria suas amigas e vizinhas para comemorar por ter encontrado a moeda perdida? Da mesma forma, os anjos de Deus se alegram por um mau-elemento que muda de vida.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *